Janeiro Branco: um alerta para cuidar da sua saúde mental

18 de janeiro, 2021
0
0
Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  

Saúde mental é um assunto que tem sido cada vez mais entrado na pauta. Nos últimos anos, debates sobre o assunto já haviam avançando – de maneira tímida – mas, agora, principalmente por conta da pandemia da COVID-19, falar sobre saúde mental tornou-se mais do que necessário. Isso por que diversas pessoas se viram em uma situação muito diferente do que estavam acostumadas: isoladas socialmente para se prevenirem e ajudarem a comunidade a combater o vírus.

 

Assim como outras campanhas específicas, como Outubro Rosa e Novembro Azul. foi criado o Janeiro Branco, que tem como objetivo chamar a atenção da humanidade para questões e necessidades que estão relacionadas à Saúde Mental e Emocional tanto das pessoas, como das instituições humanas.

 

Leia também: Março Azul-Marinho e a prevenção e o combate do câncer colorretal em pauta.

 

Por que a Saúde Mental é lembrada em janeiro e qual o motivo da escolha da cor?

 

A maioria das pessoas acabam pensando (ou repensando) suas vidas no primeiro mês do ano, mesmo que como um ato simbólico. A cor branca é para fazer alusão à folha ou tela em branco, entendendo que todos podem recomeçar a escrever suas próprias histórias. Vale destacar que a campanha não quer, apenas, alertar ou dialogar com aqueles que foram diagnosticados com depressão ou ansiedade. A campanha deseja lembrar a todos da importância de inserir o autocuidado na rotina.

 

Você sabe o que é Blue Monday?

 

Outro ponto que justifica o fato de janeiro ser o mês escolhido é o fenômeno conhecido como Blue Monday, tido como o dia mais triste do ano. A Blue Monday acontece na terceira segunda-feira do ano e tem como objetivo trazer todos para a realidade, após a empolgação das festas de fim de ano terem passado. Em 2012, este dia acontece em 18 de janeiro.

 

Leia também: Medo foi sentimento mais comum entre brasileiros no 1º semestre da pandemia. 

 

A saúde mental e os profissionais da saúde

 

Segundo a Professora e Doutora Lícia de Oliveira, psiquiatra e professora da Medcel, a saúde mental é a área da Medicina mais negligenciada, já que somente 2% dos investimentos em saúde vão para esta área. Lícia também considera que médicos, estudantes de medicina e profissionais da saúde como um todo são uma população de alto risco para desenvolver patologias mentais. Logo, isso também acaba diretamente indo de encontro às provas de Residência. Tanto em temas para perguntas, como o psicológico do aluno que vai prestar a prova propriamente dita. Por isso, esse assunto deve sempre ser levantado e debatido.

Matérias mais lidas

Quanto ganha um cirurgião geral?

Clique e leia a matéria completa

Quais são as áreas da medicina?

Clique e leia a matéria completa

Pílula anticoncepcional: entenda como funciona esse método contraceptivo

Clique e leia a matéria completa