Médico formado no exterior, mas quer atuar no Brasil? Revalida é a solução.

01 de junho, 2020
2
0
Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  

Por conta de vários fatores, como alta competitividade, vontade de morar fora e razões financeiras, muitos optam por fazer o curso de Medicina fora do país. Porém, por conta de características nacionais, para, de fato, atuar no país como médico, é necessário ter CRM – registro que é adquirido pelo estudante ao se formar em instituições brasileiras.

Mas, calma. Existe uma forma de conseguir o CRM caso você tenha se formado no exterior, e esta forma é o Revalida.

Muitos acabam achando que o Revalida é exclusivo para médicos estrangeiros – o que não é verdade. O Revalida existe para entender se aquele médico – brasileiro ou estrangeiro – está apto a exercer Medicina no Brasil. Para isso, o candidato deve estar sempre atento aos editais para realizar o exame e, caso tudo dê certo, ser aprovado e poder exercer a profissão no Brasil.

Como funciona?

 Já fizemos diversos textos aqui no Blog sobre isso. Um bom texto para entender, considerando as últimas mudanças implementadas, é esse aqui: Novo Revalida

Como me preparar?

O ideal é que, mesmo sem edital aberto, você já comece a se preparar para a prova. Isso porque a prova irá cobrar dos candidatos muitos conteúdos que, geralmente, não são cobrados nas instituições no exterior – como casos de doenças específicas da nossa região.

Para tanto, a Medcel conta com um portfólio bem legal para você fazer um curso que te deixará totalmente preparado para a prova. Neste link (Cursos Revalida) você encontra o curso que irá te ajudar a conquistar mais este objetivo em sua jornada – e nós, da Medcel, estaremos sempre ao seu lado. Conte com a gente!

Quero me inscrever

Anote no seu calendário! As provas do Exame Nacional de Revalidação de Diplomas Médicos Expedidos por Instituições de Educação Superior Estrangeira (Revalida 2020) serão aplicadas em 11 de outubro. A edição deste ano ocorrerá em dois turnos, com 100 questões objetivas e 5 discursivas. Você já pode ficar atento! O edital com essas e outras informações será divulgado em julho. Como instrumento unificado de avaliação, o Revalida permite atender ao grande fluxo de graduados em escolas médicas no exterior.

Coronavírus

Por conta da pandemia, uma lei foi aprovada para que médicos formados no exterior pudessem exercer a profissão mesmo sem o Revalida. Porém, é importante ressaltar que isto seria apenas durante este período, então, para quem quer exercer a profissão no Brasil, é necessário o Revalida.

Leia mais: Médicos formados no exterior.

 

Matérias mais lidas

Quanto ganha um cirurgião geral?

Clique e leia a matéria completa

Quais são as áreas da medicina?

Clique e leia a matéria completa

Pílula anticoncepcional: entenda como funciona esse método contraceptivo

Clique e leia a matéria completa