O que é um currículo para a Residência médica? Eu preciso ter um?

15 de abril, 2020
4
0
Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  

Quando cursamos Medicina, vivemos uma realidade a parte. A cada nova etapa, começando lá do vestibular, as batalhas parecem cada vez mais difíceis e impossíveis de se conquistar. Durante a graduação, pouco se fala sobre o currículo para a Residência médica e isso deixa muitos futuros médicos apreensivos – e com razão.

Depois de passar pela graduação, internato, preparação para a residência, chega a prova da residência – praticamente um novo vestibular em que o candidato deve estar muito preparado. No final desse texto, vamos falar dessa preparação novamente. Mas, agora, o foco é outro. Depois de passar pela prova, existe a avaliação de currículo feita por parte das instituições. Essa etapa também é eliminatória e de nada adianta se preparar tanto para a prova de Residência médica sem um bom currículo.

Leia mais

Qual o formato?

Vamos começar do começo. Não existe um formato necessariamente correto. Porém, existem dois formatos mais recomendados: O Lattes e o Vitae.

O Lattes, voltado mais ao público acadêmico, é feito através de uma plataforma do governo, e você pode acessá-la aqui. Já o Vitae é um formato velho conhecido, em que você consegue encontrar diversos modelos na internet. Para já te dar uma forcinha, encontramos diversos modelos gratuitos neste site aqui.

O que precisa ter no meu currículo?

Basicamente, tudo o que você fez durante a sua graduação e que possui comprovação, conta. Neste momento, menos não é mais – mas você precisa saber defender tudo o que está ali; você provavelmente passará por uma entrevista para entrar na residência, e essa entrevista levará em conta o seu currículo. Portanto, esteja pronto para a sabatina. De qualquer forma, separamos, aqui, o que você precisa ter no seu currículo, dividindo em duas categorias: essenciais e relevantes.

As categorias essenciais são aquelas que você deve se dedicar para ter dados excelentes e que contam mais em entrevistas, em geral. As relevantes não contam tantos pontos e você não precisa se descabelar para ter a melhor possível – mas também contam pontos e merecem estar lá.

Leia também.

Já sei como montar meu currículo, mas… e a prova?

A prova de Residência médica é composta por várias etapas e exercícios que englobam as 5 grandes áreas da Medicina. Na Medcel, temos os melhores cursos para te ajudar a conquistar este objetivo. Você os encontra aqui. Lembre-se: estamos com você em todos os momentos da sua jornada. Pode contar com a gente!

Matérias mais lidas

Quais são as áreas da medicina?

Clique e leia a matéria completa

Pílula anticoncepcional: entenda como funciona esse método contraceptivo

Clique e leia a matéria completa

Quanto ganha um cirurgião geral?

Clique e leia a matéria completa