Por dentro da Anasem: entenda como funciona a prova

14 de junho, 2017
909
0

Aplicada pela primeira vez em 2016, a Avaliação Nacional Seriada dos Estudantes de Medicina (Anasem) foi criada para testar o nível de conhecimento dos alunos ao longo do curso de graduação em medicina das faculdades do Brasil. A segunda edição do exame acontecerá neste ano de 2017 e será aplicada para os estudantes do 2° ano de Medicina.

Leia também: O que é Anasem?

Entendendo a estrutura da prova

Ao todo são 63 questões, sendo 60 de múltipla escolha e 3 dissertativas. A impressão dos estudantes quanto ao grau de dificuldade da prova aplicada é levada em consideração. Confira os resultados dessa pesquisa de acordo com os dados do Ministério da Educação.

avaliacao-anasem-alunos
Gráfico com a impressão dos alunos sobre o exame do Anasem

Para minimizar a possibilidade de acerto através do chute, a avaliação é construída com base na Teoria de Resposta ao Item (TRI). Esse método não é fundamentado apenas no score de acertos e erros, mas principalmente no poder de discriminação, grau de dificuldade e possibilidade de acerto ao acaso de cada item.

Dessa forma, o TRI consegue fazer uma estimativa das competências estruturais e habilidades dos participantes, comparando-as com outro grupo de questões que possui a mesma escala, mesmo que esse conjunto tenha um número diferente de itens a serem analisados. Com isso, a Anasem consegue classificar os alunos em três níveis de proficiência: básico, adequado e avançado.

Avaliação seriada

Embora a primeira fase da Anasem não tenha caráter punitivo, a participação de todos os alunos de medicina é obrigatória, já que a regularidade será inserida no histórico escolar. Atualmente a avaliação só abrange os alunos do 2° ano, mas a expectativa é que até 2020 o exame também seja cobrado dos estudantes do 4º e 6º ano.

Após a finalização da correção, todos os alunos recebem o resultado das provas para autoavaliação. O coordenador do curso tem acesso ao desempenho de todos os universitários que pertencem à instituição, agrupados por série, conhecimento, habilidades, competências e atitudes, o que o ajudará a entender como melhorar a qualidade do ensino na faculdade.

Desempenho na primeira edição da Anasem

O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) liberou os dados da prova realizada em 2016. De acordo com o órgão, 91,2% dos estudantes de medicina tiveram um desempenho adequado. Somente 1,9% deles apresentou nível de proficiência avançado e 6,9% ficaram no básico.

Preparação para a Anasem

Os alunos que vão realizar a prova esse ano, podem contar com a ajuda da Medcel para garantirem uma melhor preparação para a prova. Temos um ambiente digital e interativo onde os estudantes podem conferir videoaulas, simulados e outros formatos de conteúdo focados especialmente na Anasem!

Conheça o curso preparatório para o Anasem!

Matérias mais lidas

Quais são as áreas da medicina?

Clique e leia a matéria completa

Pílula anticoncepcional: entenda como funciona esse método contraceptivo

Clique e leia a matéria completa

Quanto ganha um cirurgião geral?

Clique e leia a matéria completa