Principais tecnologias em Simulação Realística

14 de julho, 2017
689
0

Medicina lida com vidas humanas, por isso, é um campo onde os médicos não podem dar-se o luxo de errar. Mesmo que existam técnicas e processos para preparar o estudante para o dia a dia da profissão, há uma distância entre aquilo que é ensinado nas salas de aula e a realidade prática da carreira.

A Simulação Realística utiliza-se da tecnologia e metodologia de ensino própria, para minimizar este gap entre teoria e realidade garantindo que os médicos, estudantes de medicina e profissionais da saúde possuam a experiência necessária para o dia a dia cada vez mais exigente e dinâmico da profissão. Para isso, ela cria um ambiente de aprendizado seguro, onde uma ampla variedade de situações clínicas e procedimentos podem ser reproduzidos de uma maneira controlada permitindo aos alunos errar, aprender com suas falhas e tornar-se um profissional de ponta em sua área prezando sempre pela qualidade de seu atendimento e segurança do paciente.

Novas tecnologias em Simulação Realísticas são desenvolvidas diariamente. Nesse post, nós separamos algumas que têm se destacado, para que possam saber mais desta área ainda pouco conhecida no Brasil.

Leia também:

Nanotecnologia na medicina: a revolução invisível

Wearables: saiba por que esses dispositivos são o futuro da medicina

Simulador de cirurgia por vídeo

Uma estação completa para simulação. Além de um capacete equipado com óculos de realidade virtual, que é capaz de te colocar dentro da sala de cirurgia, ela é equipada com estruturas cuja sensação ao segurá-las é idêntica à sentida com as ferramentas utilizadas em procedimentos cirúrgicos. Elas ainda contam com sensores para criar a percepção de que você está tocando em tecido orgânico.

Simulador de ecocardiograma

Nesse simulador, o aluno utiliza óculos de realidade aumentada para simular o atendimento a um paciente de verdade, e interage com uma representação anatômica da estrutura que está tocando. O boneco é equipado com sensores para que o usuário tenha a sensação de estar realmente interagindo com uma pessoa real.

Uma das funcionalidades mais interessantes do simulador de ecocardiograma é a possibilidade de inserir em sua programação diferentes tipos de patologias. Além disso, ele também pode ser usado para simular os ecocardiogramas transtorácico e transesofágico.

Manequim de Alta Fidelidade

Os manequins de alta fidelidade já são uma realidade em escolas de medicina de todo o mundo, no Brasil, essa tecnologia pode ser encontrada em faculdades de medicina de ponta como a Universidade de São Paulo (USP) e nos cursos de Simulação Realística da Medcel. Além de serem visualmente muito parecidos com os seres humanos, os manequins de alta fidelidade falam o que estão sentindo, respiram, possuem sinais vitais, como pressão arterial, saturação de oxigênio e frequência cardíaca além de permitirem a reprodução de situações clínicas reais altamente frequentes para um médico em dia de trabalho.

Mais tecnologias de simulação realística

Em Janeiro desse ano, o Diretor Médico do Centro de Simulação Realística da Medcel, José Roberto Generoso Jr. visitou a IMSH nos Estados Unidos, o maior congresso de Simulação Realística do mundo.

No nosso Facebook, você confere um vídeo que ele fez durante a conferência.

Clique aqui para conferir!

Matérias mais lidas

Quais são as áreas da medicina?

Clique e leia a matéria completa

Pílula anticoncepcional: entenda como funciona esse método contraceptivo

Clique e leia a matéria completa

Quanto ganha um cirurgião geral?

Clique e leia a matéria completa